alexandre-publico

Interventor explica como será a votação

Aconteceu no ultimo domingo dia 28, mais uma AGE – Assembleia Geral Extraordinária da Cooperativa de Mineração dos Garimpeiros de Serra Pelada – COOMIGASP convocada pela intervenção da cooperativa representada por Marcos Alexandre. Essa Assembleia tinha como objetivo a eleição da nova diretoria da entidade que deixará de ser gerida por uma intervenção judicial e voltará às mãos dos garimpeiros depois de aproximadamente um ano de intervenção.

O objetivo da justiça em nomear um interventor era deixar a cooperativa organizada, o que realmente aconteceu segundo Marcos Alexandre: “Estaremos deixando a cooperativa sem problemas de gestão, com quadro de funcionários zerado para que a próxima diretoria possa trabalhar com seriedade e dar andamento aos projetos e assim faça chegar as mãos dos garimpeiros os seus direitos”, disse o interventor durante a Assembleia.

medrado

Procurador Nelson Medrado fala aos garimpeiros

A votação começou por volta das 9h da manhã e foi concluída por volta das 17h sob olhar atento dos fiscais de votação nomeados pelos candidatos e também do Ministério Público do Estado representado na ocasião pelo promotor de justiça Hélio Rubens e pelo procurador de justiça Nelson Medrado.

Ao todo se inscreveram e estavam aptos a concorrer as eleições 17 candidatos ao Conselho de Administração e 13 ao Conselho Fiscal. Para o Conselho de Administração concorreram: SEBASTIÃO MOTA DA SILVA, IDELZUITE BRITO DA LUZ FONTES, JOÃO AMARO LEPOS,
ALEXANDRE VALADARES VIEIRA, MARIA MIRTES SOARES LEITÃO, WELLIGTON PEREIRA ALVES, LAURIANO FERNANDES, ARIEL COSTA PRIMO, JOÃO BATISTA DE ALMEIDA, MARIA DOS SANTOS CARVALHO, FRANCISCO ADERBAL DE OLIVEIRA, JOSE HENRIQUE BOTELHO, JOSÉ SOARES NETO, OTAVIO ARAUJO FREITAS, EDINALDO DE AGUIAR SOARES, JOÃO PATROCINIO FILHO, CARMELIO ALVES e para o Conselho Fiscal os concorrentes foram: ANTONIO BARROS DA SILVA, ADERSON LUCAS DOS SANTOS, DOMINGOS BRAGA CARVALHO, SALVADOR CARDOSO DE BRITO, FRANCISCO SOARES LIMA, VILSON DIAS MOREIRA, PAULO BEZERRA LIMA, JOSÉ BRANDÃO OLIVEIRA, ELIZABETH SOUZA MUNIZ, VALDECI MELO SILVA, LEÔNIDAS SÉRGIO DE OLIVEIRA, ANTONIO ANDRADE DE SOUSA, JAFIR SALVADOR.

contagem

Apuração durou oito horas e foi concluída a 1h da manhã

Todos os candidatos foram apresentados em palanque e puderem fazer a divulgação de suas propostas no galpão aos garimpeiros presentes na Assembleia diretamente ao garimpeiro, para dá imparcialidade e mais igualdade e aproveitar o tempo os candidatos não puderam fazer discursos em palanque, mas fizeram suas campanhas no boca a boca durante a votação.

Ao fim da eleição começou a apuração dos votos mais uma vez acompanhada criteriosamente pelos fiscais e pelo Ministério Público. Foram pouco mais de oito horas de contagem de votos, urna a urna, voto a voto e no final foram definidos os novos diretores da cooperativa, vale ressaltar que pelo que rege o novo Estatuto Social a eleição aconteceu da seguinte maneira. Os sete mais votados assumiriam o Conselho de Administração, sendo que, o mais votado assume como presidente e os demais serão conselheiros e toda decisão a partir de agora parte deverá ser acatada pela maioria do colegiado, não sendo mais o presidente único dono das decisões. No Conselho Fiscal seguiu o mesmo processo, entretanto serão apenas três titulares e três suplentes.

administracao

Eleitos do Conselho de Administração com o Interventor Marcos Alexandre

Uma novidade nesse processo foi a consagração de um morador de Serra Pelada como presidente, já que nos últimos anos apenas moradores do Maranhão tinha conseguido esse feito. EDINALDO DE AGUIAR SOARES, que teve 401 votos, o que representa 19,78% do eleitorado. Confira abaixo os eleitos do Conselho Fiscal e de Administração.

adm-jpg

fiscal

Titulares e suplentes com o interventor

 

fiscal-jpg