veiculo-que-atingiu-as-vitimas

Automóvel teria invadido a pista contrária, atingindo a motocicleta. Foto: Wenderson Costa

Reportagem: Wenderson Costa e John Jessé – Eram por volta das 20h quando os irmãos Pereira faleceram de forma trágica nas proximidades do quilômetro 45 da Rodovia PA-275. Segundo o Sargento Amoras da Polícia Rodoviária Estadual – PRE, o acidente teria sido fruto de imprudência.

“A Rodovia foi renovada, está em boas condições e com isso os condutores acreditam que podem exagerar com a velocidade e até fazem ultrapassagens proibidas, foi o caso do condutor do automóvel que atingiu a motocicleta”, disse o Oficial de Polícia.

Segundo a Polícia os irmãos Pereira e Zé Pereira vinham na motocicleta tipo NXR Bros, de placa OSZ-6802 de Parauapebas no sentido Curionópolis, e estariam na mão correta da rodovia, quando foram surpreendidos pelo veículo tipo Gol Placas NSX-4251 que vinha no sentido oposto e estaria fazendo uma ultrapassagem proibida.

motocicleta-dos-irmãos

Motocicleta onde estavam as vítimas

Sem visão devido o farol do veículo, e sem espaço restou aos ocupantes da motocicleta colidir da menor forma possível, mesmo assim a motocicleta atingiu a lateral do carro, arrebentando a roda do automóvel, retrovisor, e parte da lateral dianteira direita, o carro só parou cerca de 100 metros depois do local da colisão, e os ocupantes da motocicleta tiveram morte instantânea.

Pereira é um pioneiro em Curionópolis, empresário conhecido, pai de família exemplar, deixa esposa e quatro filhos. Seu irmão, Zé Pereira residia em Eldorado do Carajás, e também é um cidadão de bem empresário conhecido tanto em Curionópolis quanto na cidade que residia atualmente.

Nota do Repórter30 – Em 1998 enquanto adolescente recebi uma das minhas primeiras oportunidades de trabalho no Cine Foto Pereira, foram poucos dias ali na empresa, mas fui sempre muito bem tratado além do que, como cobrador tinha uma das melhores comissões pagas por comerciantes do município.

Brincadeiras sempre na medida e uma seriedade incomparável são algumas das melhores lembranças que tenho de Pereira, já seu irmão Zé Pereira era mais extrovertido, e eram poucas as vezes que ia a Eldorado para não encontra-lo, sempre de bom humor e dando incentivo para que eu seguisse a vida profissional e crescesse tanto nela quanto na vida pessoal.

Wenderson Costa, um dos diretores do Repórter30.

pereira

Seu Pereira era um pioneiro em Curionópolis

Em nome do site e todos de Curionópolis nos solidarizamos com a família, que Deus venha os confortar nesse momento.