Notícias

MOVIMENTAÇÕES POLÍTICAS ANTECIPAM POSSÍVEL NOME PARA 2014

valmir-coomase
Valmir aderiu ao PROS, e já tem vereador estuando a possibilidade de acompanhar o líder garimpeiro.

O ex petista José das Dores Couto, popular Coutinho (foto em destaque acima) pode ser o candidato do PMDB em Parauapebas à uma vaga no Legislativo Estadual. A informação vem de um dos mais conceituados e acessados blog’s de notícias de Parauapebas, o Blog do Zé Dudu.

Na postagem o autor afirma que Coutinho teria se filiado há poucos dias no partido, e inclusive já se reuniu com Helder Barbalho e a direção do PMDB estadual. Segundo as primeiras informações, Coutinho vem de Belém como presidente da Comissão Provisório do Diretório Municipal do PMDB em Parauapebas.

O até então presidente Valdyr Flausino de Oliveira não foi encontrado para comentar a notícia da nova direção municipal. Há rumores que o vereador Odilon Rocha de Sanção, insatisfeito com as últimas movimentações do PMDB no estado e aproveitando a janela que se abre com a criação de novos partidos, estaria se transferindo para o Partido Republicano da Ordem Social (PROS) ou Partido Solidariedade (SDD), que tiveram seus registros autorizados ontem pelo TSE.

Por falar em vereador, comenta-se a boca pequena nos corredores da Câmara Municipal de Parauapebas que um bloco formado por pelo menos sete vereadores estaria, também, se mudando para o PROS ou SDD nos próximos dias.

Em Curionópolis – Ainda não vimos autoridades interessadas nos novos partidos, mas o presidente da Coomase, Valmir Macedo informou ao nosso site que está montando diretório do PROS-Partido Republicano da Ordem Social o qual já faz parte como presidente.

Ainda segundo o presidente da cooperativa, vereadores estariam estuando a possibilidade de aproveitar a oportunidade para mudar de partido, Valmir optou por não citar nomes ainda, porém acredita na possibilidade dessa adesão. Quanto a atual gestão Valmir disse que como presidente do partido tem simpatia pelo gestor, mas ver que o pique do primeiro mandato ainda não está de volta.

“Esperamos que retome o gás que se deu no primeiro mandato, mas entendemos que é cedo é que muita coisa vai acontecer, contudo estamos confiantes e esperançosos. Também entendemos que o desenvolvimento do nosso município está diretamente atrelado as questões dos garimpeiros de Serra Pelada, e que essa onda de reivindicações de direito dos garimpeiros que em vários aspectos são legítimos atrapalhou o andamento ações e novos projetos em todos os setores, na sociedade civil organizada e por partes de empresas e poder publico”, disse Valmir.

Veja também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios