Notícias

VALE: PLR Pode chegar a 4.1 salários

Notícia muito boa para funcionários Vale. A mineradora se reuniu recentemente com sindicatos do Grupo Renovação, do qual o Sindicato Metabase Carajás participa, e apresentou uma expectativa para a Participação nos Lucros e Resultados (PLR) em 2017, relativa ao ano de 2016.
Conforme a empresa, foi realizado um apanhado dos números até o terceiro trimestre e os relatórios apontam para um teto de PLR de 4.1 salários. O quarto trimestre também foi avaliado, mas os números não deverão alterar o valor do benefício, haja vista que os valores contratados a preço do minério registrados no final do ano devem impactar apenas no início do ano em razão de contratos com prazos de 45 a 90 dias para pagamento de produção comercializada.
A Vale divulgará balanço financeiro e operacional de 2016 apenas no dia 23 de fevereiro e assim os números definitivos serão conhecidos. Os Sindicatos vão se reunir com a mineradora antes deste balanço.
 
Ascensão financeira – O Metabase esclarece que os resultados financeiros da Vale melhoram a cada dia. A empresa teve uma recuperação significativa a partir de novembro de 2016, quando a média no preço do minério de ferro ficou em US$ 73,13 por tonelada, contra uma média US$ 58,63 em outubro do mesmo ano. As médias trimestrais também evoluíram, saltando de US$ 48,30 no primeiro trimestre para US$ 70,76 no quarto trimestre.
A repercussão dos resultados para o pagamento da PLR também vem evoluindo. Os números do primeiro trimestre apontavam para uma PLR de 3.2 salários como teto, passando a 3.5 no segundo trimestre e 4.1 salários no terceiro trimestre.
O Sindicato enfatiza que todos os trabalhadores devem ficar atentos, pois a expectativa de 4.1 salários para a PLR se refere ao teto, ou seja, maior valor a ser pago. Cada área tem seu desempenho na obtenção destes resultados, fazendo com que a PLR seja diferenciada conforme os relatórios de cada local de trabalho.
Além da recuperação importante no valor a ser recebido de PLR, os sindicatos pressionam a empresa para que não faça o desconto do salário adiantado no ano passado, principalmente dos resultados ainda melhores que estão sendo registrados no início do ano no preço do minério. No dia 27 de janeiro, por exemplo, o minério tinha um preço de US$ 83.
Conforme o presidente do Sindicato Metabase Carajás, Raimundo Nonato Amorim, o Macarrão, tudo indica a franca recuperação e a crise está sendo deixada para trás. “Creio que podemos chegar a pleno direitode uma PLR de até 7 salários futuramente com a persistência da recuperação dos preços do minério de ferro e a maior produção com o início de operação do S11D”, ressaltou o sindicalista.

Veja também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios