NotíciasRegião

Ação da Polícia Civil evita conflito em fazenda no sudeste do Pará

Policiais civis da Delegacia de Conflitos Agrários de Marabá (DECA) foram acionados, nesta quarta-feira (30), para intermediar um possível conflito entre integrantes do Movimento Sem Terra e vigilantes de escolta armada, na fazenda Cajueiro, a 120 quilômetros do centro urbano de Jacundá, sudeste do Pará. Durante a ação policial, os policiais civis impediram a ocupação da propriedade rural e apreenderam duas armas de fogo no local. Liderados pelo delegado Waney Alexandre, policiais civis da DECA se deslocaram à região após receber informação de que cerca de 120 pessoas, entre elas, homens armados, estariam na entrada da Fazenda Cajueiro, com objetivo de ocupar a propriedade rural.

POLICIAIS CIVIS DA DECA CONVERSAM COM INTEGRANTES DO MOVIMENTO

“Na chegada ao local, percebemos a gravidade da situação, pois uma porteira separava o movimento e a escolta armada da Fazenda”, constatou o delegado. Assim, foi iniciada uma mediação do conflito entre as partes. “Primeiro, conversamos rapidamente com os vigilantes da escolta, e logo após, tivemos uma conversa longa e inicialmente tensa com os integrantes do Movimento Sem Terra”, detalha o policial civil.

Em meio ao diálogo, os policiais civis da DECA encontraram duas armas de fogo que estavam escondidas em um dos caminhões no local. Ao final das conversações, o delegado convenceu as pessoas do Movimento a retornarem para suas residências situadas nas cidades de Nova Ipixuna e Goianésia do Pará.

NEGOCIAÇÃO EVITA O CONFLITO

Parte do Movimento tinha a intenção de retornar ao Acampamento Paloma, que fica há 30 quilômetros da Fazenda, mas após novas orientações, eles desistiram e retornaram para as suas cidades, encerrando o acampamento que já existia há 10 meses. “Salienta-se que o deslocamento dos integrantes do Movimento até suas cidades foi escoltado pelas equipes policiais da DECA, para que se fosse garantida a integridade física de todos”, garantiu o delegado.

ACOM-PC/PA

Veja também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VOCÊ VIU ISSO?

Close
Close

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios