Governo inicia obras de reconstrução da PA-275, em Parauapebas

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on google
Share on linkedin

Rodovia estratégica para o escoamento da produção mineral e agropastoril do Pará, a PA-275, na região sudeste do Estado, terá mais de 60 quilômetros totalmente reconstruídos pelo Governo do Pará, por meio da Secretaria de Transportes (Setran). A ordem de serviço para início da obra foi assinada nesta sexta-feira (21), pelo governador Helder Barbalho.

“Está é uma obra importantíssima, primeiro para as pessoas que trafegam na PA-275. Para que essa estrada possa fortalecer a integração das cidades como Parauapebas, Curionópolis e Eldorado, a interligação do sudeste paraense é importante, fortalecendo a economia, garantindo a diminuição do custo do frete, a diminuição do custo da produção aqui gerada. Estradas com qualidade fortalecem a economia do Pará e, com este plano de investimento, nós geramos emprego, renda e garantimos a integração do nosso Estado”, destacou o governador.

A rodovia, que tem mais de 100 km de extensão, faz a ligação entre os municípios de Eldorado dos Carajás, Curionópolis e Parauapebas. A obra está dividida em duas etapas, e envolve dois trechos da rodovia. O primeiro a ser reconstruído tem extensão de 30,50 km, que vai do entroncamento da BR-155, no perímetro urbano de Parauapebas, sub-trecho do entroncamento da BR-155 até o perímetro urbano de Curionópolis. Na outra etapa, será executado o segundo trecho, que vai do perímetro urbano de Curionópolis ao perímetro urbano de Parauapebas, contemplando 31,20 Km da rodovia.

O secretário adjunto da Setran, Bosco Lobo, destaca que a obra que abrange 61,5 quilômetros da rodovia “vai gerar um desenvolvimento muito grande para a região e vai gerar um conforto para todos os que trafegam nesta via, pois terá desde novo sistema de drenagem de águas pluviais, restauração total do pavimento construção de acostamento, sinalização horizontal e vertical”, disse.

Para quem trafega na PA-275, o anúncio da reconstrução é um alívio. O caminhoneiro Antônio Diniz, que usa a rodovia há mais de 40 anos, relata que a obra chega na hora certa. “Fazer só tapa- buraco não é a melhor solução, pois a estrada fica cheia de ondulações. O certo mesmo é colocar novo asfalto como o governo está fazendo, e com acostamento, que dá maior segurança para nós, motoristas”, disse.

Para quem precisa de custo menor na logística, a reconstrução da rodovia também chega em boa hora. “Nós, da Associação Comercial Industrial e Comercial de Parauapebas, acreditamos que esta é uma obra muito importante para nossa cidade e região, o que vai fortalecer ainda mais o comercio e a indústria do nosso município, dando continuidade ao desenvolvimento da nossa cidade, proporcionando fretes mais em conta de mercadorias e aumentando o giro e a venda dessas mercadorias”, disse Rodrigo João Zanrroso, da Associação Comercial do município.

A obra de reconstrução da PA-275 terá ainda elevação da altura da pista, correção do traçado e redução de curvas e rampas, melhorando a segurança e a trafegabilidade da rodovia e impulsionando o desenvolvimento dos municípios por onde passa. O prazo de execução da obra é de 18 meses.

Estiveram presentes no ato de assinatura da ordem de serviço ainda Adler Silveira, presidente da Companhia de Habitação do Estado do Pará (Cohab); deputado Pio Freitas e Chamonzinho, entre outras autoridades da região.

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on google
Share on linkedin

Comente com o Facebook

Mais de