Notícias

Investimentos da Vale no Pará chegam a US$ 4,4 bilhões em 2013

Em outubro, Salobo e Sossego bateram recorde de produção de cobre

A Vale investiuUS$ 4,4 bilhões no Pará de janeiro a setembro de 2013. Os investimentos socioambientais acumulados nos nove primeiros meses do anochegaram a US$ 119,8 milhões, aumento de 11% em comparação com igual período do ano passado, quando foram investidos US$ 107,7 milhões na área.

image002

 

Produção

Minério de Ferro

A produção em Carajás alcançou 29,8 milhões de toneladas, o segundo maior nível para um terceiro trimestre, representando uma expansão considerável em relação ao segundo trimestre do ano, com desempenho de acordo com a evolução dos planos de mina e se recuperando do prolongado período de chuvas desde maio.

A melhora da performance de Carajás também se beneficiou da conversão de mais duas linhas de peneiramento para o processamento do minério a seco. Dez das dezessete linhas de peneiramento de Carajás estão funcionando com o processamento do minério a seco. O sistema de processamento a seco, que usa a umidade natural do minério de ferro, aumenta a vida útil da reserva devido à recuperação em massa de 100% na planta de processamento – contra 83% no processo úmido –, contribuindo para ganhos de produtividade e corte de custos operacionais, principalmente pela redução do consumo de combustível.

image003

 

Minério de Manganês

No terceiro trimestre de 2013, o desempenho da Mina do Azul, em Carajás, aumentou 7,6% e 2,2% em comparação com o do segundo trimestre do ano e do terceiro trimestre de 2012, respectivamente, alcançando 508 mil toneladas, como resultado da otimização da performance operacional na planta.

Minério de Cobre

Salobo I produziu 17,6 mil toneladas de cobre contido em concentrado, no terceiro trimestre, aproximadamente 70% de sua capacidade nominal, e 32 mil onças troy (oz) de ouro como subproduto. É esperado que Salobo I conclua seu ramp-up até o final do ano. Em outubro, Salobo alcançou um novo recorde de produção de 7,2 mil toneladas de cobre contido em concentrado, 84,9% de recuperação de cobre e 68,3% de recuperação de ouro, acima da meta do projeto de 66% para o ouro.

image004

 

A produção de cobre contido em concentrado da mina do Sossego, em Carajás, totalizou 30,9 mil toneladas no terceiro trimestre de 2013, representando um aumento de 6,8% quando comparada ao segundo trimestre do ano, devido à qualidade mais elevada na mina e, também, ao maior rendimento no SAG mill (moinho semiautógeno). Em outubro, Sossego produziu 11 mil toneladas, um novo recorde, superando a marca anterior de 10,8 mil toneladas em março de 2013.

Onça Puma

A operação de ferroníquel em Onça Puma concluiu o aquecimento do forno emsetembro e a Vale espera produzir o primeiro metal em novembro.

Inclui investimento e custeio

Veja também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios