Notícias

SERRA PELADA – Justiça nega habeas corpus à Gessé Simão

Ainda não foi oficializado no site do Superior Tribunal de Justiça – STJ, mais fontes informam que Gessé Simão de Melo, ex-presidente da Cooperativa de Mineração dos Garimpeiros de Serra Pelada – COOMIGASP tenha tido negado o seu pedido de habeas corpus referente à acusação de improbidade administrativa que culminou com sua cassação do mandato de presidente da cooperativa.

O julgamento ocorreu ontem e pessoas ligadas ao ex-presidente informaram o resultado em que quatro dos cinco ministros negaram o pedido do líder garimpeiro. Especulava-se que se o resultado fosse o contrário ele voltaria à presidência da entidade. Vale lembrar que essa é a ultima instância da Justiça brasileira, e que nas anteriores Gessé também teve seus pedidos negados. No processo que consta no STJ Gessé Simão de Melo recorreu das acusações constantes do DIREITO PENAL, os crimes contra o Patrimônio, Apropriação indébita, impetrados pelo Ministério Público do Estado do Pará.

Veja também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios