Depois de várias manifestações contrárias, a instituição encerrou em menos de um mês a a exposição Queermuseu – Cartografias da diferença na América Latina – Jornal do Comércio. Abaixo uma nota emitida pela instituição.

O objetivo do Santander Cultural é incentivar as artes e promover o debate sobre as grandes questões do mundo contemporâneo, e não gerar qualquer tipo de desrespeito e discórdia”, diz o texto. “Desta vez, no entanto, ouvimos as manifestações e entendemos que algumas das obras da exposição Queermuseu desrespeitavam símbolos, crenças e pessoas, o que não está em linha com a nossa visão de mundo. Quando a arte não é capaz de gerar inclusão e reflexão positiva, perde seu propósito maior, que é elevar a condição humana“, afirma a nota da instituição.

Confira o vídeo que mostra alguns detalhes da exposição: